Grupos de Ligação

IBAB_pg

 

Faça parte de um Grupo de Ligação em 2019

Os Grupos de Ligação são uma ferramenta que o Senhor tem dado à milhares de igrejas por todo mundo e desde 2016 a igreja baptista de Leiria já conta com alguns grupos espalhados pela cidade onde te podes integrar.

Os grupos de ligação são uma estratégia fundamentada na Palavra de Deus para nos ajudar a alcançar pessoas para Cristo e a cuidar delas:

“Depois disso, Jesus passou por todas as cidades e vilas da região. Ele ensinava nas sinagogas, onde o povo costumava se reunir, apresentando as notícias do Reino, curando os corpos doentes e restaurando vidas marcadas pelo sofrimento. Ver as multidões diante de si lhe fazia doer o coração. O povo estava confuso e sem rumo, eram como ovelhas sem pastor. “Que grande colheita temos aqui!”, disse aos discípulos, “mas tão poucos trabalhadores! Ajoelhem- se e orem, pedindo mais trabalhadores” (Mateus 9.35-38 – A Mensagem)

Semanalmente  estamos reunidos nas casas que estão abertas na cidade para receber visitantes mas também membros da IBL! Acima de tudo é um tempos para estarmos juntos, ligarmo-nos com amigos, e para aprender e partilhar as nossas experiências na nossa caminhada com Deus.

Os grupos de ligação são uma excelente oportunidade para conhecer pessoas e construir grandes amizades.

Partilhar uma refeição, orar, ouvir e aprender sobre a Palavra de Deus, fomentando relacionamentos autênticos, vitais para crescermos saudavelmente.

Grupo de Ligação não é:

  • Grupo de Oração – Este tipo de grupo está interessado somente em crescer no movimento de oração. São grupos recheados de muita oração e os dons do Espírito fluem com liberdade; no entanto, quem vai apenas ao grupo não está se vinculando nem crescendo como igreja.
  • Grupo de Estudo Bíblico – Este tipo de reunião não estimula a comunhão e geralmente são liderados por pessoas que se consideram grandes mestres e que gostam de demonstrar conhecimento teológico; o incrédulo não é bem-vindo. São estéreis.
  • Grupo de comunhão entre crentes ou Grupo de Crescimento – As pessoas interessadas neste tipo de grupo desejam um crescimento espiritual num ambiente fechado e exclusivista. Importante salientar que o crescimento apenas acontece quando estamos em contato e interagindo com o ambiente que nos rodeia.
  • Grupo de cura interior e de apoio – Os que desejam participar deste tipo de grupo estão interessados em terapias para a cura de seus traumas emocionais. Neste tipo de grupo as pessoas têm um problema real e querem se livrar dele. São grupos semelhantes aos Alcoólatras Anônimos, em que as pessoas falam de seus problemas vez por vez, semana após semana. Este tipo de grupo leva o amor, mas falha em levar os membros a Cristo.
  • Ponto de Pregação – São grupos conhecidos como aqueles em que as pessoas frequentam sem compromisso. Elas vêm e vão, e o grupo é apenas um ajuntamento.

Então, o que é um Grupo de Ligação?

É um grupo de pessoas que se reúnem em casas ou noutros locais designados e onde um pequeno grupo de membros da igreja baptista de leiria (líderes) recebem outros membros, mas principalmente amigos que não conhecem o evangelho, visitas que têm curiosidade de conhecer Deus e outros convidados sempre com o objetivo de evangelizar, estudar a bíblia e a mensagem de Deus para o mundo, confraternizar, edificar e servir.
São grupos que se reúnem nos lares, escolas, empresas ou no trabalho, gerando vida e desempenhando um papel de grande importância para alcançar pessoas para Cristo. Ali elas são cuidadas e assistidas pelos seus líderes.

É um “grupo de até doze pessoas que se reúnem regularmente para cumprir os mandamentos das Escrituras de amar uns aos outros, estando ao mesmo tempo integralmente ligados a uma igreja local e com olhar voltado para o mundo.” NEWMANN, Mikel.

É um ambiente propício para cumprirmos os mandamentos recíprocos encontrados no Novo Testamento. Veja alguns abaixo:

Mandamento Recíproco Texto
1. Amem-se uns aos outros João 13.34-35
2. Aceitem-se uns aos outros Romanos 15.7
3. Saúdem-se uns aos outros 1Coríntios 16.20b
4. Suportem-se uns aos outros Efésios 4.1-3
5. Confessem os seus pecados uns aos outros Tiago 5.16
6. Perdoem-se mutuamente Efésios 4.31-32
7. Levem os fardos uns dos outros Gálatas 6.2
8. Orem uns pelos outros Tiago 5.16

 

O grupo busca ser uma comunidade e para isso precisamos entender que é muito mais do que uma reunião semanal. Quando nossa percepção do grupo é limitada à reunião semanal, então não estamos envolvidos em comunidade. A vida em comunidade existe fora dos cultos e das reuniões.

O relacionamento é mais importante que a reunião. É no relacionamento que crescemos como servos, aprendemos a viver a vida cristã, somos supridos e também suprimos os outros em amor.

O Grupo de ligação almeja a multiplicação. Apesar de a reunião não ser apenas evangelística, todo o projecto final de edificação do grupo visa à multiplicação: crentes comprometidos são crentes frutíferos. Eles tem hora e lugar definido para a reunião, criando um senso de identidade, constância e segurança.